Escolha um local
Campo obrigatório

Tenho câncer, e agora doutor?

Publicado em 21/09/2020 08:00

O diagnóstico de um câncer sempre nos traz surpresa e preocupação.

Mas o momento deve ser visto com calma e serenidade.

Os tumores Urológicos (rim, bexiga, próstata, testículo e pênis), na maior parte dos casos tem cura!!  O diagnóstico em fases iniciais nos proporciona um tratamento curativo e com baixa sequelas, recuperação rápida e retorno precoce as atividades.

Frente a notícia de uma neoplasia, importante avaliarmos qual estadiamento inicial (onde o tumor está (?): no órgão que iniciou, estruturas próximas, metástases a distância.

Casos de tumores localizados, quer seja prostático, rim ou bexiga por exemplo, o tratamento com retirada do órgão / tumor tem intenção curativa e com sobrevida a longo prazo preservada.

Ponto chave para sucesso terapêutico, quem sabe o principal ponto, é o diagnostico em fases precoces.

Tumor prostático é silencioso em fases iniciais, por isso importância do screenin / rastreio populacional com PSA (exame de sangue) e toque retal.

Câncer de rim pode ser acompanhado de sangue na urina (hematúria) ou dor lombar, mas principal diagnostico atualmente ocorre por exame de imagem, como ultrassom, realizado por outros motivos.

Neoplasia de bexiga tem como principal sinal a hematúria, mesmo sangramento referido no diagnóstico de tumor renal, principalmente em idosos ou pessoas que fumam.

Indiferente do tipo de tumor, importante individualizarmos o caso, termos tranquilidade e ao mesmo tempo prioridade nos exames de estadiamento e tratamento precoce.
Compartilhar

Médico
CRM 6798 MS

Responsável pela publicação
EmConsulta
Responsável técnica:
Dra. Thais Correia Leone Della Pace
CRM/MS 4056
Não achou o que procurava?

Como podemos ajudar?

Preencha os campos abaixo e informaremos
assim que ficar disponível.
Digite ao menos 3 caracteres